Metrô

Metrô de São Paulo

O Metrô, ou Companhia do Metropolitano de São Paulo, é uma empresa controlada pelo governo do estado de São Paulo. Foi constituída em 1968 para operação e expansão da rede metroviária, assim como para o planejamento de transporte de passageiros da região metropolitana de São Paulo. Opera 62 das 89 estações da rede metroviária de São Paulo, atendendo 4 milhões de passageiros por dia em suas redes. Em 2019, faturou 713 milhões de dólares, mas fechou com um prejuízo de quase 137 milhões de dólares.

IR PARA VAGAS NO LINKEDIN

INFORMAÇÕES GERAIS

Razão Social

Companhia do Metropolitano de São Paulo - METRÔ

NOME FANTASIA

Metrô

Sede

São Paulo, SP

VENDAS LÍQUIDAS

VALOR (EM R$ MILHÕES)

2.873,8

VALOR (EM US$ MILHÕES)

713,0

CRESCIMENTO (EM %)

-0,4

Rentabilidade

RENTABILIDADE AJUSTADA (EM %)

-1,6

RENTABILIDADE LEGAL (EM %)

-1,8

RENTABILIDADE SOBRE VENDAS (EM %)

-19,2

Endividamento

GERAL (EM %)

8,6

LONGO PRAZO (EM %)

4,9

LUCRO LÍQUIDO

AJUSTADO (EM US$ MILHÕES)

-136,8

LEGAL (EM US$ MILHÕES)

-148,7

PATRIMÔNIO LÍQUIDO

AJUSTADO (EM US$ MILHÕES)

8.473,2

LEGAL (EM US$ MILHÕES)

8.223,2

Exportação

VALOR (EM US$ MILHÕES)

-

% DAS VENDAS

-

Outras informações

CAPITAL CIRCUL. LÍQUIDO (EM US$ MILHÕES)

-29,6

LIQUIDEZ GERAL (EM NO. ÍNDICE)

0,5

RIQUEZA CRIADA (EM US$ MILHÕES)

349,7

NO. DE EMPREG.

8284

SALÁRIOS E ENCARGOS (EM US$ MILHÕES)

385,0

TRIBUTOS (EM US$ MILHÕES)

67,8

EBITDA (EM US$ MILHÕES)

-16,9

CONTROLE ACIONÁRIO

Estatal

HISTÓRICO ENTRE 500 MAIORES